Páginas

quinta-feira, 17 de março de 2016

De minha janela o sol aquece o meu íntimo
De trás da mangueira entre o verde das folhas
E o alaranjado comprido estou,
Em paz comigo.
Williany Souza

Nenhum comentário:

Postar um comentário